sábado, dezembro 18, 2004

Balanço

Antes da "Minha Vida" ir de férias, ainda há tempo para um pequeno balanço daquilo que me tem atormentado ultimamente. 1) Quinta das Celebridades: É ASSUSTADOR (no mínimo) ouvir e ver no autocarro duas miudas (pr'aí com 4/5 anos) a imitarem o José Castelo Branco! O que é que se passa com este povo! 'Tá tudo louco? Deixarem estas pobres criancinhas verem "a coisa"... Se já é suficientemente mau pessoas mais velhas vibrarem com aquilo, quanto mais as criancinhas. Enfim...os papás é que sabem... 2) Quinta das Celebridades (II): Que "celebridades" são aquelas? Serão estas as verdadeiras celebridades portuguesas? Mas afinal o que fizeram elas para merecerem esse estatuto? Ah! Já sei! Fizeram o seu melhor sorriso para a capa de uma revista qualquer (mas se tiver sido para a Caras é mais fiável!). Gostava de saber qual foi o critério utilizado... Se escolheram porque o sorriso era de "orelha a orelha"... ou se foi porque era um sorriso "malandro"... 3) Natal: Basicamente é uma época em que as pessoas consomem e se enchem ainda mais de dívidas. É giro... "Compre hoje e comece a pagar só em 2005 (atenção isto aqui não era suposto o/a sr/sra saber mas tem que pagar a porra da taxa de juro que também não lhe interessa quanto é...Não é por isso que vai deixar de comprar que eu bem sei!)". Para além do consumo nas prendas, agora está na moda fazer o efeito "curto circuito"! Isto é: iluminar tanto a janela que mais parece um curto circuito. Se juntares uma boa batida (ao teu gosto), a iluminação torna-se numa discoteca ao ar livre. É só dar largas à imaginação que ainda agradeces a esses anormais, que em tempo de crise (o que é isso mesmo?), fazem questão de iluminar as janelas "Ah...porque fica bonito...". 4) A maior árvore de Natal da Europa: continuando numa do contra... qual é a necessidade de saber que é a maior da Europa? É por isso que a situação económica do país vai melhorar? Não pois não? Bem me parecia... E mais: qual é a necessidade de haver um monte de ferro que se ilumina à noite? Não percebo... E as luzinhas pelo meio da cidade? Acho que, entretanto, andamos a pagar a conta da luz... da rua... Também porque "fica giro". 5) A dissolução da AR: até aqui tudo mais ou menos (é mau, mas talvez seja melhor agora...), mas qual foi mesmo a necessidade do sr. Santana se demitir? Não percebi... (às vezes tenho dificuldade de perceber cenas assim...enfim...) E por último, 6) Carris inaugura sistema SMS: porque o SMS está na moda a Carris agora lembrou-se de inaugurar um serviço em que se manda um SMS para um determinado número e se recebe outro com o (suposto) tempo que a pessoa tem de esperar. Que bonito... Estes senhores querem ver os seus clientes satisfeitos. Mas eu ficaria muito mais satisfeita se não chegasse atrasada porque os senhores não sabem prestar os serviços a horas e se eles não utilizassem sempre a mesma desculpa: "o autocarro avariou"; "a empresa não tem funcionários para arranjar os autocarros". Senhores, sejam mais criativos! Se quiserem ideias falem comigo! Que tal: "Ah, apeteceu-me ir comer uma buchazita, não estava a contar que o café estivesse tão cheio"; "A fila para o WC era muito grande". Desculpas destas é que funcionam! Isto já aconteceu a todos nós pelo menos uma vez! E se não aconteceu, acontecerá mais cedo ou mais tarde! Ah...afinal não? Então esqueçam! E acaba aqui o balanço. É melhor porque isto já estava a descambar (que palavra bonita...qualquer dia falo disto). Vou tentar manter a "Vida" o mais viva possível, mas só voltará ao ritmo "normal" (que já não tem há muito tempo...) lá para meados de Janeiro. Até logo! duana